Publicado em

ANGO-REAL SOFRE MAS VENCE UÍGE

Sharing is caring!

ANGO-REAL SOFRE MAS VENCE UÍGE (Foto: MCamões)

A Ango-Real fartou-se de sofrer para vencer o Misto do Uíge, por 46-41, no jogo de maior cartaz do quadrangular da Taça Lwini em basquetebol em cadeira de rodas, iniciado neste sábado (02), em Luanda.

Disputado no pavilhão I da cidadela desportiva, o equilíbrio foi a tônica dominante de uma partida cujo vencedor podia bem ser qualquer dos contendores.

Após escassa desvantagem ao intervalo (17-16), o Uíge ainda conseguiu uma vantagem de nove pontos (21-30), mas o maior discernimento da formação campeã em título ditou a reviravolta e relativo controlo do jogo até ao fim.

O extremo-base Lussacalalu Malungo (Uíge) foi o melhor marcador do jogo com 17 lançamentos certeiros, enquanto pela formação de Luanda se destacou o poste Cananito Alexandre (14).

CABINDA ULTRAPASSA CUANZA NORTE (Foto: MCamões)

No segundo e último encontro do dia, o Misto de Cabinda venceu a similar do Cuanza Norte, por 43-30, com favoráveis 15-13 ao intervalo.

Domingo jogam para o terceiro e quarto lugar as formações do Misto do Uíge e Misto do Cuanza Norte.

Para o primeiro e segundo posto defrontam-se Amigos da Ango-Real/Misto de Cabinda.

Além do basquetebol, a 17ª edição da Taça Lwini disputa-se igualmente em futebol para amputados e atletismo. Está última prova realiza-se domingo numa distância de 10 quilómetros.

Organizada pela Fundação Lwini, com o suporte técnico do Comité Paralímpico Angolano, o evento anual prestigia o dia internacional do deficiente, a assinalar-se a 3 de Dezembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *