Publicado em

QUATRO EXECUTIVOS LUSÓFONOS NO APC

Sharing is caring!

A nova Comissão Executiva do Comité Paralímpico Africano (APC - sigla em inglês) para o próximo quadriénio integra nove membros, quatro dos quais lusofalantes, nomeadamente, dois angolanos e dois cabo-verdianos.

Após realização quinta e sexta-feira da Assembleia Geral Eleitoral do organismo, no Centro de Conferências de Belas, em Luanda, que conduziu o angolano Leonel Pinto para o ciclo paralímpico 2016/2020, foi reeleito secretário-geral Rodrigo Bejarano, de Cabo Verde.

O angolano António da Luz é o tesoureiro da organização continental fundada em 1987 na Argélia, enquanto Elton Djon (Cabo Verde) responde pelos falantes do idioma portugûes.

O APC tem ainda na Comissão Executiva o primeiro vice-presidente Hamid El Ouni (Marrocos). Leon Fleiser, da África do Sul, é o segundo vice-presidente.

Mpindi Bumali, do Uganda, representa a comunidade dos países de língua inglesa, Leopold Gbenou (Benim) responde pelos franceses, enquanto os Árabes são representados pelo argelino Mohammed Hachefa.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *