Posted on

COM CHAMOLEIA NA MEIA- FINAL

Sharing is caring!

chamoleia-vence01

Rio de Janeiro - Angola obteve hoje a primeira qualificação à meia-final dos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro e o protagonista foi José Chamoleia, nos 200 metros para deficientes visuais (classe T11).

Os espectadores presentes no estádio João Havelange viram evoluir pela primeira vez o velocista angolano que cronometrou na segunda posição 23.33, superado apenas pelo brasileiro Felipe Gomes com menos 33 décimos (23.00).

Dongdong Di (China) com 23.39 e Moises Tubias (Namíbia) com 24.17 quedaram-se, respectivamente, na terceira e quarta posição.

Efectivamente, depois de ver adiado a estreia dia 8 por penalização devido a partida falsa, o atleta da província do Huambo deu um passo importante para o cumprimento do primeiro objectivo do Comité Paralímpico Angolano (CPA), chegar a uma das finais destes jogos paralímpicos.

O outro angolano, Octávio dos Santos, que correu na primeira série, não se qualificou ao totalizar 24.13, na terceira posição, superando Abdul Halim (Nepal) que levou o tempo de 24.66, em quarto.

A série foi ganha por Daniel Silva (Brasil) com 23.39, secundado por Mehmet Tunc (Turquia) com 24.04.

A meia-final desta prova é disputada a partir das 11 horas desta quarta-feira (14) entre os quatro primeiros de cada série e mais os quatro melhores tempos.

Assim, disputam a meia-final: Ananias Shikongo (Namíbia), Felipe Gomes (Brasil), Daniel Silva (Brasil), David Brown (USA), José Chamoleia (Angola), Mehmet Tunc (Turquia), Zetan Fan (China) e Dongdong Di (China).

Fotos gentilmente cedidas por Ricardo Rojas
Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *